Peraí,volto já ;)

RicamatsuDestralha

#destinopositivo #féinabalável #gratidãosempre

Copyright © Destralha | Design by WebSuccessAgency

Mais alívio para a vida!

Tecnologia do Blogger.

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Você sabe o que é Egrégora?


Você sabe o que significa o termo Egrégora? Dizem que é um termo do espiritismo, outros falam que é maçônico. O que é certo é que é um termo muito específico e complexo. Talvez seja esse o motivo do desconhecimento de sua existência. E apesar disso vivemos constantemente imersos em Egrégoras. Saber o que significa uma Egrégora vai te ajudar a destralhar algumas crenças limitantes. E entender o que rege a realidade de nossas vidas; os acasos e as coincidências do destino.

E como a ideia aqui é simplificar as coisas, vou tentar expor seu significado, tão subjetivo, de forma clara. Egrégora é nada mais que o somatório do "acreditar" de cada pessoa. Os "produtos matemáticos" gerados formam determinadas quantidades de energia que atuam no universo. Cada pessoa que se junta a determinada Egrégora faz ela se tornar maior e mais forte, tornando-se a realidade em primeira instância. Explico.

Vou usar como exemplo o nosso grande dilema desde 500 anos atrás: o "Jeitinho Brasileiro". A maioria dos brasileiros acreditam que existe sim o jeitinho brasileiro, e claro, exemplos reais acontecem a todo instante. Uma minoria acredita que é um simples bug do sistema e não da a mínima atenção pra isso. De 203,5 milhões de brasileiros, quantos você acha que acreditam na existência do famigerado jeitinho? Digamos que 203 milhões de pessoas acreditam e os outros meio milhão não.

A força, a crença e a ação dessas pessoas, formam o que é chamado de Egrégora. No nosso exemplo acima, a primeira por ser maior materializa o jeitinho fazendo com que ele se torne até um hábito cultural. Já a segunda - bem menor - que está pouco se lixando pra isso, acaba participando da realidade materializada pela maior. É aí que está localizado o imbróglio! Cada ser humano é uma energia, como no filme Matrix. A grosso modo: uma bateria, uma pilha. É simples. Quando maior a Egrégora, maior a energia que trabalha para a criação do que quer que seja. O velho ditado que a união faz a força. Porém, visto de uma forma quântica e na prática. Sem misticismo ou crenças sobrenaturais.

Isto vale para tudo: sucesso, fracasso, relacionamentos, religião, política, saúde, um sentimento isolado, qualquer outro tema. Outro exemplo é aquela geração de mulheres que vivem sobre o conceito de que todo homem "não presta" continua a perpetuar isso na realidade, isoladamente em um pequeno grupo, ou até mesmo num grupo de Egrégora formada por pessoas situadas geograficamente nos diversos locais pelo mundo. Agora, quanto mais presença física maior a intensidade desta energia!

Egrégora é o oposto de Destino, o resultado coletivo da presença. Pode ser aquele "não consigo ter controle sobre isso na minha vida". Consciente ou não, se a maioria está conectada com a miséria, todo mundo estará vivendo a miséria. Se a maioria estiver conectada na abundância, todo mundo estará vivendo em abundância. Sob que influências você pode estar vivendo agora, nesse instante? Eis a pergunta! E em 2015 quais Egrégoras você estará participando, co-criando ou mantendo através da sua energia? Te convido a refletir sobre isso e quem sabe a criar ou transmutar suas próprias Egrégoras.

Boas festas e Feliz Ano Novo! Destralha o que você precisa para melhorar a sua vida e ser mais feliz!

Te vejo em outra vida! ;)
Rica

Um comentário: